Rapidinhas: AC/DC, bota o copo pro alto, vamos beber.


A hora de parar deve ser uma das decisões mais difíceis de um profissional. Ainda mais quando ele continua é capaz de ganhar muito dinheiro com o que ele faz, mesmo que não o faça tão bem quanto antes.

Veja o Ronaldinho Gaúcho, por exemplo. Melhor jogador do mundo, em 2004 e 2005, grande ídolo do Barcelona, campeão mundial... Enfim, um currículo invejável.
Mas hoje ele se arrasta pelos gramados, em passagens vergonhosas por clubes desconhecidos do México, ou uma ida ao Fluminense em que sequer jogou.

Será que não é hora de parar e curtir a vida? Como o próprio Ronaldinho disse em uma música sertaneja que ele canta: “Eu tô cheio de dinheiro, vamos beber”. O legado vale tão pouco assim? Até que ponto vale continuar passando vergonha nos gramados?

Com o AC/DC, é a mesma coisa. Em 2014 Malcom Young teve que abandonar a banda por motivos de saúde. Agora, é o vocalista Brian Johnson que terá de se afastar, por estar correndo risco de ficar surdo.
Assim como Ronaldinho Gaúcho, o AC/DC se arrasta. Tudo ficou ainda pior quando a banda anunciou o substituto de Brian. Ninguém menos que Axl Rose.

Se Axl teve um passado brilhante no início do Guns n' Roses, seu presente é recheado por polêmicas, problemas dentro e fora do palco, atrasos, e muita falta de compromisso. Axl é uma sombra gorda do seu passado. Não há motivos para acreditar que agora será diferente.

O AC/DC encaminha uma turnê que tem tudo para ser um vexame, com um vocalista que se acha mais do que é. Os australianos não precisam disso. Muito menos os seus fãs.
Tá na hora do AC/DC seguir o conselho do Ronaldinho Gaúcho, botar o copo pro alto e curtir a vida... Vamos beber e chega de turnês!

Quem usa o Google Plus?

Sobre o Rock em Balboa

Depois de anos de estudo e dedicação à engenharia, percebi que era tudo um grande pé no saco. Joguei as coisas pro ar e fui para a ilha de Balboa (pode procurar no Google, ela existe!). Agora fico deitado na rede e ouço rock o dia todo.

0 comentários :

Postar um comentário